sexta-feira, 1 de julho de 2011

Alimentação

Mulherada, querida:

Uma das maiores preocupações das mulheres, logo que se descobrem grávidas, acho que é com relação à alimentação: o que podem, o que não podem e o que devem comer!
Abaixo, colei um quadro muito interessante que encontrei na internet e que fala um pouco do porquê não podemos ingerir certo tipo de alimentos:


Alimento
Pode comer
Não pode comer
Risco
Queijo
Queijo

Queijos duros e curados como chesire, edam, emmental, paneer, parmesão, pecorino, provolone, quark, ricotta pasteurizado, Babybel, Cheddar, Cheshire, Derby, Double Gloucester, Edam, Emmental,  Gouda, Gruyere, Halloumi, Havarti, Jarlsberg, Lancashire, Manchego, Orkney, paneer, Parmesan, Pecorino (duro), Provolone, Red Leicester.
Tudo que seja queijos moles mesmo os feitos com leite pasteurizado,  incluindo o brie, brie azul, cambonzola, camambert, crottin, tallegio, queijo fresco, Philadelphia, Dairylea, Mozzarella,


Chaumes, queijo da serra, Pont L'Eveque, Taleggio, acherin-Fribourgeois,


Bergader, Bleu d'Auvergne, Wensleydale, Shropshire Azul, Gorgonzola, Roncal, Roquefort, Stilton, Wensleydale (azul).
Listeriose

Leite e iogurte
Leite e iogurte

Leite e iogurte de vaca, cabra e ovelha pasteurizados, incluindo as natas do leite.Leite de vaca, cabra, ovelha e derivados não pasteurizados. Salmonelose, Ecoli 0157, Toxoplasmose, Brucelose

Gelado
Gelado

Sorvetes e gelados à base de água bem embalados no congelador, ou de geladaria mas que não contenham ovos ou derivados. Gelados e sorvetes caseiros, bem como gelados que possam conter derivados de ovo ou conservados em locais ou recipientes de menos segurança. Salmonelose

Ovos
Ovos

Quer a clara quer a gema devem estar bem passadas para poderem ser ingeridas com segurança. A maionese usada deve ser de supermercado. Alimentos que possam conter ovo cru, como maionese caseira, ovos escalfados, sobremesas como ovos moles. Salmonelose

Carne
Carne

A carne deve ser muito bem passada. Qualquer enchido só deve ser ingerido se for cozido, mas sempre em baixa quantidade devido ao elevado nível de sal.
Carne crua e mal passada, como carpaccio ou tártaros.
Carnes fumadas não cozinhadas, incluindo bacon fiambre, mortadela, presunto, etc.
Fígado e derivados como quaisquer tipo de patês. 
Toxoplasmose

Aves e caça
Aves e caça

A carne de aves e da caça em geral deve ser muito bem passada, muito bem cozinhada e ingerida na ocasião que foi cozinhada. Se utilizar frango pré-cozinhado em saladas deve de o fazer num curto espaço de tempo e certificar-se que foi preservado no frio. Carne de aves ou caça sem estar bem passada. Salmonelose e listeriose

Peixe
Peixe

O peixe deve estar completamente cozinhado, não apresentando sangue ou partes mal passadas.
Pode comer atum enlatado (não mais de 150 gramas por semana). O salmão, arenque, sardinha e truta como são peixes gordos deve limitar a sua ingestão a 2 doses semanais. 
O peixe fumado só o deve ingerir depois de cozinhado.
 Peixe cru ou mal passado em carpaccio, tártaro, sushi, ou sashimi.
Peixe rico em mercúrio como tubarão, peixe-espada, espadim, cavala e perca.
Peixe fumado não cozinhado como salmão ou truta fumada.
Toxoplasmose
Níveis excessivos de mercúrio
Toxoplasmose

Marisco, crustáceos e bivalves
Marisco, crustáceos e bivalves

Pode ingerir marisco desde que esteja acabado de cozinhar e bem cozinhado. Marisco cru como ostras.
Marisco mal cozido.
Todo o marisco que tenha excedido a data de validade.
Salmonelose
Campilobactéria

Frutas e legumes
Frutas e legumes

Cozinhados.


Crus desde que sejam bem lavados em água corrente e de preferência sejam colocados em água com umas gotas de vinagre antes de serem preparados.
Frutas e legumes não lavados. Toxoplasmose

Saladas
Saladas
As saladas frescas tal como os legumes devem ser muito bem lavadas em água corrente e mergulhadas uns minutos em água com algumas gotas de vinagre.
As saladas pré-embaladas devem também ser lavadas em água corrente, e verificada a data de validade antes de serem ingeridas. 
Se ingerir saladas fora de casa verifique a data de validade.
Saladas não lavadas.
Saladas que possam levar ovo mal cozinhado ou maionese caseira.
Listeriose


Toxoplasmose
(Reportagem extraída, na íntegra, do site De Mãe pra Mãe)

Em contrapartida, existem também os alimentos essenciais para as gravidinhas!
Obviamente o cardápio das futuras mamães deve ser bem variado, pois o organismo precisa de todas as vitaminas disponíveis para a formação do bebezinho, mas alguns itens são específicos para vários casos...
O ferro, por exemplo, encontrado em leguminosas (feijão), é um nutriente que reduz bastante o risco de anemia, uma vez que muito da energia absorvida pela gestante é utilizada pelo feto.
Os laticínios (queijos e leite) são fontes de cálcio e proteína e ajudam na formação dos ossos e dentes dos bebês.
Alguns carboidratos (arroz e massas) e hortaliças (tomate, ervilha e brócolis)são ricos em ácido fólico, ESSENCIAL para a formação do tubo neural do embrião. Entretanto, os médicos, sem excessão, recomendam que mesmo antes de engravidar, a mulher tome comprimidos de ácido fólico para 'estocar' o necessário para a formação do bebê sem problemas!
Eu, por exemplo, estou tomando ácido fólico já há mais de um ano! Esses dias a minha mãe me perguntou: "Luciana, to não vai te intoxicar tomando tanto isso???"
Hahahahahaha!!!!!!!!!! NÃO, MÃE! NÃO VOU...
Por último, mas não menos importantes, as frutas possuem fibras e ajudam no funcionamento correto do intestino. Quem aqui já é mamãe ou quer engravidar e não sabe que as gravidinhas em sua maioria tem problemas com relação à isso...
Vamos todas nos manter fortes, firmes e saudáveis para esperar nossos tesourinhos e dar o nosso melhor para eles!!!


Beijos férteis e positivos,

Lully's

Um comentário:

  1. Oi amiga!
    Muito interessante, não sabia de alguns,rs!
    Beijosssss

    ResponderExcluir

Que bom que você passou por aqui!!! ;)
Volte sempre S2